Como a vulnerabilidade pode mudar a sua vida
Foto de Anete Lusina no Pexels
Por Ana Kekligian

publicado em

Quando falamos sobre vulnerabilidade, a primeira coisa que vem em mente é a fraqueza. Fomos programados a associar essas duas palavras por muito tempo. Mas você já questionou essa afirmação? Se estudarmos a respeito podemos compreender que de fato o que anda lado a lado com a vulnerabilidade não é a fraqueza, e sim, a coragem.

Podemos escolher fugir de consequências e riscos para não perdermos o controle das nossas emoções. Podemos nos isolar do mundo por causa disto, ficar na nossa zona de conforto. Mas será mesmo que queremos viver assim? Ao darmos apenas um único passo e admitirmos nossos medos e limitações, nos tornamos mais fortes e ousados.

Devemos ressignificar a vulnerabilidade, para a aceitação de que podemos cometer erros enquanto vivermos e isso é natural, vamos sofrer e até fracassar, iremos perder o controle das circunstâncias, e mesmo assim, podemos sentir gratidão e obter ótimos aprendizados.

Nós, seres humanos, buscamos o pertencimento em todas nossas relações. Detestamos o sentimento de sermos excluídos, porém só somos verdadeiramente incluídos se assumirmos o protagonismo da nossa história e isso requer assumirmos que somos e como somos. E acredite, essa missão parece simples, mas você já se imaginou desagradando alguém por ser fiel a quem você é? Pode ser uma situação desagradável, mas essa atitude é fundamental para a nossa liberdade.

Continua depois da publicidade…

PUBLICIDADE

https://www.sympla.com.br/coaching-em-grupo-para-mulheres__1531493
https://www.sympla.com.br/coaching-em-grupo-para-mulheres__1531493
previous arrow
next arrow
alelazarin-despertai-feed (1)
alelazarin-despertai-feed (2)
alelazarin-despertai-feed (3)
alelazarin-despertai-feed (4)
alelazarin-despertai-feed (5)
live rota da mulher rica
previous arrow
next arrow
anuncie-na-dolce-post
presenca online-campanha-post (2)
previous arrow
next arrow

Quantas vezes após viver um momento de alegria e até de plenitude, você foi tomado pelo medo daquele sentimento acabar? Sim, o seu bem-estar e felicidade é proporcional a sua vulnerabilidade.  Corremos o risco de perder, mas é um risco que vale a pena correr. Afinal, o quanto nós podemos ganhar com isso? Ser feliz exige coragem, porque é preciso arriscar, ousar, fazer diferente, assumir quem você com autorresponsabilidade. E podemos fazer isso de forma consciente, assertiva, produtiva e saudável.

O caminho mais procurado para não se sentir vulnerável, é aquele que preserva o nosso lado perfeccionista, cheio de autocobrança e baixa autoestima. Aquele que nos sabota e grita aos nossos ouvidos, que somos incapazes de assumir nossos erros ou que não somos bom o suficiente e por isso não devemos errar, porque o mundo pode voar em nossos pescoços. Esse é o caminho que nos amarra, que controla e nos obriga a atender padrões externos. É tortuoso e sofrido porque podemos desejar controlar não somente a nós mesmos, mas todos a nossa volta e se falharmos seremos condenados pela nossa autocrítica.

Uma pessoa vulnerável desenvolve em si a capacidade de encontrar soluções, caminhos e é uma inspiração para todos a sua volta.

 “Somente quando temos coragem suficiente para explorar a nossa escuridão, descobrimos o poder infinito de nossa própria luz.”
 
Brené Brown

Quer explorar mais sua vulnerabilidade e torná-la sua aliada, ao invés de ficar atrás das cortinas assistindo sua vida passar? O processo de Coaching e Inteligência Emocional pode te ajudar nisso!

Fale comigo: 11 94756-5478 – anak@ebrccoaching.com.br

Camada 1

Ana Kekligian é Master Coach de Desempenho e Especialista em Inteligência Emocional com foco na vida pessoal e profissional. Idealizadora da EBC (Empresa Brasileira de Coaching). Atualmente, possui cinco importantes certificações internacionais pelo IBC (Instituto Brasileiro de Coaching): Professional & Self Coaching, Coaching Ericksoniano, Master Coach, Inteligência Emocional e Análise Comportamental. Conta também com a certificação de Especialista em Inteligência Emocional pela SBIE (Sociedade Brasileira de Inteligência Emocional), Especialista em Produtividade com: Triad Certified Productivity Specialist, formada pela TriadPS e Master Analista Comportamental pelo Instituto ILG. Atuou por quase 20 anos no mercado corporativo como executiva de marketing com destaque para o marketing direto e publicitário. E é CEO de suas emoções.

mulher-absoluta-in-company-banner
presenca-online-campanha-touche (6)
vinheta-abril-2021-banner (8)
alessandra-lazarin-banner
previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow
Camada 1

Gostou deste artigo? Compartilhe!

2 Comments

  1. Ana, adorei o artigo.


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

os mais lidos na semana

Temas Procurados

Camada 1
mulher-absoluta-in-company-banner
2021.07.27-campanha-telegram-mundi-banner
presenca-online-campanha-touche (6)
vinheta-abril-2021-banner (8)
previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow