Excesso de exceções
Por Elizabeth Silva

publicado em

A boa comunicação escrita é necessária a toda profissão, aliás, a toda pessoa, pois contribui para o bom desempenho de situações formais e informais por possibilitar maiores chances de destaque, ela pode abrir e também fechar portas, ou seja, a boa e correta comunicação é também traduzida como oportunidade.

Na correria do dia a dia, infelizmente se tornou comum abrirmos exceções e aceitarmos mensagens muito abreviadas ou com erros grosseiros, e esse hábito ruim pode causar muitos prejuízos. Imagine receber uma proposta de negócios ou sugestão de campanha com erros de digitação, grafia, concordância? Podemos desconfiar do profissionalismo ofertado e dependendo do teor, a mensagem pode não ser interpretada corretamente e o prazo e a oportunidade podem ser perdidos.

Para nós, profissionais de secretariado, é importante passarmos corretamente o teor da mensagem, pois, falamos por nossa imagem e do executivo que representamos, e sempre abrir exceções para o que não está correto pode não ser uma boa escolha. Eu mesma, ao receber e-mails ou apresentações com erros de grafia básicos, acentuação etc., sinto um arrepio por pensar que, ou a pessoa não providenciou uma revisão ou a fez e manteve o erro. Por isso busco sempre revisar o que escrevo e havendo dúvida na grafia de palavras, busco validar a forma correta ou substituir o termo.

Continua depois da publicidade…

PUBLICIDADE

https://www.sympla.com.br/coaching-em-grupo-para-mulheres__1531493
https://www.sympla.com.br/coaching-em-grupo-para-mulheres__1531493
previous arrow
next arrow
live rota da mulher rica
live rota da mulher rica
previous arrow
next arrow
anuncie-na-dolce-post
presenca online-campanha-post (2)
previous arrow
next arrow

Nem sempre temos a oportunidade de sugerir a correção, eu tenho esse (talvez, péssimo) hábito, já passei por situações em assistir palestras e webnários com slides contendo erros primários e enviei um feedback na pesquisa de satisfação; ao receber mensagens com erros, também busco responder inserindo a mesma palavra na resposta escrita da forma correta, mas sem dizer que a pessoa precisa corrigir, e pressuponho que ela entenda a informação.

É compreensível que a rotina acelerada na qual estamos inseridos pode nos fazer cometer erros e nem sempre somos bem interpretados ao tentar comunicar falhas (ou receber esse feedback), mas eu penso que essa pode ser uma forma de contribuir com algum conhecimento, pois são inúmeras as ferramentas disponíveis que podem auxiliar a redigir um bom texto. Que possamos entender que o excesso de exceções nem sempre está a nosso favor e que é positivo aprender sempre mais para nos comunicarmos de forma assertiva, reduzindo possíveis deslizes.

Camada 1

Elizabeth Silva atua com secretariado executivo desde 2005. Tem formação técnica em secretariado, possui MBA em secretariado e assessoria executiva e pós-graduação em gestão empresarial. Cocriadora e membro do comitê organizador do Café das Secretárias, comunidade de apoio e qualificação ao profissional de secretariado

mulher-absoluta-in-company-banner
presenca-online-campanha-touche (6)
vinheta-abril-2021-banner (8)
previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow
Camada 1

Gostou deste artigo? Compartilhe!

5 Comments

  1. Artigo inefável!

    • Inefável é termos leitores assíduos como você. Gratidão!

    • Fabio, gratidão por acompanhar nossos artigos!
      Feliz em poder contribuir de alguma forma!

  2. Fato: escrever bem contribui para uma comunicação assertiva e traz oportunidades.

  3. Verdade, muitas exceções fazem uma nova regra, melhor fazer o certo. Parabéns pelo artigo!


Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

os mais lidos na semana

Temas Procurados

Camada 1
mulher-absoluta-in-company-banner
presenca-online-campanha-touche (6)
vinheta-abril-2021-banner (8)
previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow