10 dicas de português para profissionais de sucesso
Por Carla Venâncio

publicado em

Se você precisa fazer apresentações, elaborar relatórios, escrever e-mails e trocar mensagens com seus clientes, sabe que falar e escrever com clareza, correção e objetividade não é uma tarefa simples. Às vezes, as dúvidas surgem e perdemos um tempo precioso tentando saná-las para garantir textos de qualidade. Para ajudá-lo nessa tarefa, selecionei 10 dicas de português capazes de facilitar a sua vida. Vamos lá?

Dica 01 – O que/Oque

Tenho visto muita gente escrevendo “oque” (assim mesmo, tudo junto) ou “oq”. Se você usa essas formas nas suas mensagens pessoais, tudo bem, mas nem pense em colocá-las nos seus e-mails corporativos. Empregue sempre o que ou o quê. Use o acento caso a expressão apareça no fim da frase, seguida por ponto de interrogação.

Exemplos:

O que aconteceu na reunião?

Ela está procurando o quê?

Dica 02 – Chego/Chegado

As duas formas existem na Língua Portuguesa, mas são usadas de maneira diferente. Chegado é usado como particípio:

Tinha chegado

Teria chegado

Havia chegado

chego é usado na 1ª pessoa do singular (eu), no tempo presente: eu chego. Nunca use “tinha chego”, “teria chego”, “havia chego”.

Dica 03 – Imprimido/Impresso

As duas formas existem e estão corretas. Use imprimido com os verbos ter e haver. Use impresso com os verbos ser e estar.

Exemplos:

Tinha imprimido…

Havia imprimido…

Está impresso…

Foi impresso…

Dica 04 – Trás/Traz

As redes sociais estão recheadas de equívocos quanto ao uso de trás e traz, mas não é difícil usar essas palavras.

No sentido de trazer, use traz (tudo com z).

Exemplos:

O dinheiro não traz felicidade, mas compra brigadeiro. (ação de trazer)

Ele traz a correspondência todos os dias. (ação de trazer)

Quando indicar posição, lugar, use trás.

Exemplo: Ficou para trás. (posição)

Dica 05 – Mas/Mais

A palavra mas pode ser substituída por porém e serve para apresentar ideias opostas.

Exemplo: Trabalhei muito, mas não consegui entregar a proposta.

mais dá a ideia de maior quantidade ou de intensidade.

Exemplos:

Traga-me mais uma caixa de canetas, por favor.

Espero que você esteja mais tranquila.

PUBLICIDADE

https://www.sympla.com.br/coaching-em-grupo-para-mulheres__1531493
https://www.sympla.com.br/coaching-em-grupo-para-mulheres__1531493
previous arrow
next arrow
alelazarin-despertai-feed (1)
alelazarin-despertai-feed (2)
alelazarin-despertai-feed (3)
alelazarin-despertai-feed (4)
alelazarin-despertai-feed (5)
live rota da mulher rica
previous arrow
next arrow
anuncie-na-dolce-post
presenca online-campanha-post (2)
previous arrow
next arrow

Dica 06 – Há/A (para indicar tempo)

Sempre que você fizer referência a tempo passado, use o verbo haver.

Exemplos:

O diretor saiu pouco.

três meses, ela viajou.

Por outro lado, use a para indicar tempo futuro ou distância.

Exemplos:

Sairei daqui a pouco. (tempo futuro)

A empresa fica a dois quilômetros daqui. (distância)

Dica 07 – Faz/Fazem (para indicar tempo decorrido)

Quando o verbo fazer for utilizado para referir-se a tempo decorrido, deve permanecer sempre no singular.

Exemplos:

Faz dois dias que entreguei o texto.

Faz dez meses que assinamos o contrato.

Dica 08 – Chegar a/Chegar em

Ninguém deve chegar no colégio ou chegar na escola. O correto é chegar a algum lugar.

Use assim:

Cheguei cedo à empresa para adiantar o trabalho.

Chegamos à matriz com antecedência.

Dica 09 – Responder o/Responder ao

O verbo responder pede a preposição a.

Exemplos:

Respondeu ao e-mail.

Respondeu à carta.

Respondi aos exercícios.

Respondi às atividades.

Dica 10 – Ao encontro de/De encontro a

Essas expressões são muito parecidas, mas possuem sentidos bem diferentes. Use ao encontro de para dar ideia de concordância, de ser favorável.

Exemplo:

Concordo com você: minhas ideias vão ao encontro das suas.

Já para indicar discordância, oposição choque, use de encontro a.

Exemplos:

Brigamos o tempo todo: minhas ideias vão de encontros as suas.

O caminhão foi de encontro ao muro, derrubando-o.

Espero que você tenha gostado das dicas de hoje. Para saber mais, acesse www.carlavenancio.com.br e veja os livros, cursos e treinamentos que preparei para ajudá-lo.

Um abraço e até a próxima.

Camada 1

Carla Venâncio é formada em Letras e Pedagogia com especialização em Gramática e mestrado em Língua Portuguesa pela PUC de São Paulo e professora dos cursos de Redação, Expressão e Atendimento ao Cliente no IDPC. Com experiência de mais de 25 anos na Educação, atua há 17 como professora universitária, além de ministrar aulas particulares e treinamentos no mundo corporativo sobre comunicação assertiva, atendimento ao cliente, redação e revisão gramatical. Autora dos livros “Como se escreve”, “100 Dicas de português para se dar bem na hora da paquera” e da coleção “Português para Profissionais de Sucesso”.

Camada 1
mulher-absoluta-in-company-banner
presenca-online-campanha-touche (6)
vinheta-abril-2021-banner (8)
alessandra-lazarin-banner
previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow

Gostou deste artigo? Compartilhe!

2 Comments


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

os mais lidos na semana

Temas Procurados

Camada 1
mulher-absoluta-in-company-banner
2021.07.27-campanha-telegram-mundi-banner
presenca-online-campanha-touche (6)
vinheta-abril-2021-banner (8)
previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow