A importância das Soft Skills no retorno ao trabalho híbrido
Por Bete D’Elia e Walkiria Almeida

publicado em

A luz frágil no final do túnel, que no princípio da pandemia sinalizava a esperança de dias melhores, se fortaleceu.

Mais uma vez o ser humano confirmou a sua capacidade de reconstrução, adaptação e da cocriarão de uma nova realidade, moldada nas grandes lições da pandemia.

O uso de máscaras, álcool in gel, protocolos sanitários passaram a fazer parte, naturalmente, da nossa vida.

Paira no ar um sentimento de alegria e gratidão, pela população estar vacinada na sua grande maioria, pelo declínio sensível das internações e óbitos, aliados à crescente flexibilização de várias atividades e segmentos de negócios.

Retorno à vida normal após 18 meses de muitas perdas e inúmeras restrições?

Mesmo que para a grande maioria a sensação seja essa, os estudiosos sobre tendências e cenários apontam para um outro contexto nos ambientes corporativos.

Tiago Salomão, sócio da Korn Ferry, afirma que “não é uma volta à vida anterior, é uma volta a uma vida nova, uma forma nova de operar”.

Então, novamente, mudam-se as perguntas. Saímos mais vez da zona que estava quase se tornando confortável. 

O grande desafio continua sendo a necessidade de se reinventar, sair fora da caixa ou “não entrar na caixa”, enfim, aprender novas competências.

Os holofotes que já estavam voltados para o desenvolvimento das Soft Skills se tornaram mais fortes, porque agora elas representam a garantia de que a volta ao presencial e/ou híbrido oferecerá o acolhimento e o ambiente de suporte emocional que todos necessitam, para retomar o desafio, com segurança e qualidade.

Competências como generosidade, colaboração, empatia, equilíbrio, autoconhecimento favorecerão esse momento importante de adaptação e atuarão como diferenciais para relações saudáveis e otimização da produtividade.

Nós que escrevemos está coluna sobre Soft Skills temos um sentimento de gratidão por já estarmos falando há alguns meses sobre o tema, compartilhando dicas, sugestões e orientações.

É muito bom sabermos que já plantamos várias sementes sobre competências que contemplam as Soft Skills, que podem estar germinando no momento certo.

É a hora de você fazer a sua parte e deixar a sua marca positiva nesse momento de resgate e realinhamento.

Exercite o que já aprendeu, compartilhe com a sua equipe o que pode ser útil para o trabalho conjunto e continue contribuindo para a humanização dos ambientes corporativos, para o trabalho fazer parte do propósito e do bem-estar de todos os profissionais.

Sucesso a todos! 

Camada 1

Bete D´Elia foi Secretaria Executiva da Presidência da Caloi e Diretora de Comunicações do Sindicato das Secretárias. É palestrante e instrutora de cursos para o Secretariado Executivo.

Walkiria Almeida é Mestre em Administração com concentração em Gestão Internacional pela ESPM- Escola Superior de Propaganda Marketing. Tem mais de 30 anos de experiência como Secretária Executiva de presidência e diretoria. É palestrante nacional e internacional, com destaque em sua participação no 1º Fórum Internacional de Secretariado, em Moçambique.  É membro do Comitê de Secretariado de Moçambique e Professora da FMU- Faculdades Metropolitanas Unidas, no Curso de Secretariado Executivo Trilíngue e recebeu em agosto de 2020 o prêmio “Excelência acadêmica FMU”.

Camada 1

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

1 Comment


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2021.07.27-campanha-telegram-mundi-banner
cestoupresentes-banner
previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow

os mais lidos na semana

Temas Procurados

Camada 1
2021.07.27-campanha-telegram-mundi-banner
presenca-online-campanha-touche (6)
vinheta-abril-2021-banner (8)
previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow