Avatares conquistam e vem com força para humanizar e modernizar marcas
Por Jane Marques

publicado em

É crescente o número de consumidores que se preocupam com toda a cadeia produtiva do que consomem, e é esse comportamento que impulsiona a responsabilidade social como atributo de valor de uma marca. O conceito de B2I (Business to Individuals) ganhou força e fez com que o foco agora seja do cliente. E são eles que ditam as regras agora, escolhem como quer interagir, adquirir e até opinar sobre marcas, produtos, serviços etc.

A mudança dos comportamentos, hábitos, escolhas e desejos, somados a um ambiente com maior acessibilidade e possibilidades, influenciou diretamente para uma nova forma de abordagem das empresas frente aos clientes.

Antes as organizações funcionavam com produção acelerada, pois a ideia era oferecer inúmeras opções aos consumidores e gerar uma maior demanda de consumo, com o propósito de gerar mais e maior lucro possível.

Mas com o avanço da tecnologia, iniciou-se um processo de transformação do consumidor que passou a viver em uma vida digital, onde não existem barreiras entre o mundo físico e o virtual. Hoje eles coexistem e se complementam.

A alteração do foco NO cliente para o foco DO cliente cria o contexto adequado para a humanização das marcas.

Philip Kotler diz: “Pense no consumidor não em termos de alguém que vai comprar seu produto, mas que deseja que o mundo seja um lugar bom para viver. O que você está fazendo para mostrar a ele que se importa? ”

A humanização é uma tendência que veio pela necessidade das marcas em ter atitudes de posicionamento perante seus consumidores.

Uma marca humanizada é transparente e possui uma relação genuína com os seus clientes, fornecedores e com a sociedade.

Marcas humanizadas saem do básico, que é criar posts bonitos para as redes sociais, e procuram ter um olhar amplo e humanista do topo.

Marcas humanizadas também deixa de lado a burocracia e incentiva trocas mais simples e formas de interagir fáceis e rápidas; se torna acessível e responde satisfatoriamente aos seus usuários;

Marcas humanizadas utilizam a tecnologia como aliada, otimizando processos e respostas e promovendo a customização; está disposta a informar e educar, sem focar em vendas 100% do tempo.

Essa personalidade da marca pode ser explorada em diversos elementos, algumas organizações, por exemplo, criam o seu avatar e aproximam ao mercado a imagem da equipe de trabalho. Atitudes simples como essa mostram aos usuários que existem pessoas comuns que também sentem e são consumidoras.

Um case de sucesso nesse aspecto é a Magazine Luiza, empresa que explora as diversas características da humanização de marcas, que criou a personagem Lu que possui uma forte representação e presença no mercado.

Os avatares se aproximam de seus consumidores, se posicionam e levam a novas experiências para conhecer melhor seus produtos. Consumidores se sentem mais reconhecidos ou representados por um simples avatar.

O que realmente importa neste ponto, é se aproximar da comunidade, das relações com os parceiros, colaboradores e com a entrega de propósito.

Você provavelmente tem experiências que refletem o contrário de tudo isso, certo? Deixe aqui seus comentários!

Camada 1

Jane Marques Shoji é CEO da Team Assessoria para eventos Corporativos e Assistente Virtual na prospecção B2B para Profiter Consulting. Formada em Gestão Comercial, Pós-Graduada em Marketing com Mestrado em Project Management Internacional pela Escola de Negócios Europeia de Barcelona. Expert em Inteligência de Mercado tem 27 anos de carreira em Varejo e Comércio. É membro do Grupo de Mulheres do Brasil, voluntária e parceira na ONG Mensageiros da Esperança. Apaixonada por eventos que encantam, recapacitam e transformam vidas.

Camada 1

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

6 Comments

  1. Artigo maravilhoso

    • Obrigada pelo seu comentário Elis.

  2. Excelente texto, reflete exatamente o comportamento das marcas e dos consumidores. Ótimo para reflexao
    Parabéns

    • Obrigada Heloisa pelo seu comentário, nosso intuito é sempre manter atualizado os temas.

  3. Parabéns pela matéria. Conteúdo muito bom e favorável para o momento atual. Sucesso!

    • Obrigada Marli pelo seu comentário e não deixe de acompanhar nossos próximos artigos.


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

os mais lidos na semana

Temas Procurados

Camada 1
2021.07.27-campanha-telegram-mundi-banner
presenca-online-campanha-touche (6)
vinheta-abril-2021-banner (8)
previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow